[Resenha] Bound by temptation, de Cora Reilly @Createspace

  • 16:23
  • 23 novembro 2016
  • Título: Bound by temptation
    Autor: Cora Rilley
    Lançamento: 2015
    Páginas: 229
    Gênero: Romance
    Editora: Createspace
    Sinopse: Liliana Scuderi se apaixonou por Romero desde o momento em que ela o viu pela primeira vez. Depois de suas irmãs se casaram por razões táticas, ela espera ser autorizada a escolher um marido, mas quando seu pai lhe promete a um homem com mais do que o dobro de sua idade, essa esperança é esmagada. Não importa quanto ela peça, não é possível fazê-lo mudar de ideia. 
    Romero sempre ignorou o flerte de Lily. A idade dela e seu estado a fizeram fora dos limites, mas mesmo alguém tão obediente como ele só tem um certo tanto de controle. Desejá-la quando ela deveria se casar com outro homem poderia significar guerra entre Nova York e o Chicago Outfit e Romero sempre colocou a Cosa Nostra em primeiro lugar. 
    Lily suspeita que suas irmãs e Romero arriscariam tudo por ela, mas sua felicidade vale muito a pena? E o amor vale a pena uma guerra entre Cosa Nostra e a Outfit? 
    Obs: Essa resenha pode conter spoiler dos outros livros.
    Enfim trago a resenha do último livro lançado até o momento da série Born in Blood Mafia Chronicles. Já tem algum tempinho que eu venho relatando o quanto eu amei cada segundo dessa série e seus personagens, e com o livro da Liliana e o Romero não foi diferente. Desde o primeiro volume da série, Bound by Honor, temos um vislumbre da relação entre Lily, a filha mais nova dos Scuderi e Romero, homem de confiança de Luca e guarda-costas de Aria.

    Sendo quatro anos mais nova que suas irmãs e ainda tendo uma mente de menina, Lily assim que pôs os olhos em Romero se apaixonou. Para chamar sua atenção, ela flertava com ele e até mesmo com os soldados de seu pai, mas Romero sempre a achou jovem demais (decerto, ela tinha 14 anos apenas) e deixou bem claro que nunca responderia a seus sentimentos.

    Assim, Lily fez de tudo para tirar Romero da cabeça, ainda mais depois de ser rejeitada por ele tantas e tantas vezes. Porém, com os acontecimentos do terceiro livro, quando sua irmã do meio, Gianna, acabou fugindo e deixou seu pai furioso, Lily viu sua vida mudar drasticamente. Além de ter que ficar reclusa em casa e passar a ser alvo da fúria de seu pai, ela viu sua mãe morrer aos poucos vítima do câncer. Nesse tempo que passou, Lily perdeu a inocência que tinha quando menina devido as dores psicológicas que enfrentou. 

    Após a morte da mãe, Lily acabou entrando em uma depressão e emagreceu muito. Preocupado com a saúde da filha, o pai dela resolve enviá-la a Nova York para passar o verão com a irmã, Aria. É nessas férias que Romero reencontra Lily e percebe o quanto ela mudou, e passou de menina a uma mulher. Ele tenta de tudo para ficar longe dela, mas Lily não deixará que isso aconteça, e os dois acabam se integrando ao amor. O pai de Lily nunca deixaria ela casar-se com um homem na posição de Romero, e eles sabem que se forem contra a vontade do pai dela, uma guerra irá acontecer entre Chicago e a máfia de Nova York. Será que a felicidade do casal é tão importante ao ponto de fazer o acordo entre as máfias acabarem?
    Este livro dentre todos foi o meu favorito! Acredito que nesse volume conseguimos vislumbrar melhor os sentimentos dos personagens principais, ao mesmo tempo que podemos observar os conflitos que um romance entre eles pode gerar. Conhecer a história de Liliana assim que descobriu o câncer em sua mãe deu um quê a mais a história, mesmo que um tanto dramático, Ela teve que lidar sozinha com a doença, ver sua mãe se esvaindo aos poucos e ainda ter que aguentar a indiferença do pai, que no decorrer do livro mostra-se cada vez mais injusto e cruel.

    Ele foi um personagem que eu simplesmente detestei! As coisas que ele faz ao longo da história somente pelo poder e status me enojavam. A mãe de Lily desde o primeiro livro mostrou-se extremamente passiva, daquelas que enjoam, mas neste último livro, ela se abre a Lily em seu leito de morte e lhe dá algumas dicas, principalmente sobre amor, dicas que farão a diferença na vida de Lily.
    Romero é simplesmente encantador! Ele é apaixonante desde sua primeira aparição, e mesmo tentando relutar com o que sentia por Lily, ele nunca deixava de protegê-la e ajudá-la. O romance dos dois é completamente lindo, puro e bonito, talvez seja pela emoção dos sentimentos que eles nutrem um pelo outro, que eu tenha gostado mais desse casal.

    O final é cheio de ação, assim como todos os outros da série, mas infelizmente esse acaba com várias pontas soltas que somente serão resolvidas no livro que será lançado em Dezembro (infelizmente). Nesse volume podemos vislumbrar cada vez mais o quão tenebroso o mundo da máfia pode ser, a ganância das pessoas e a forma como elas fazem de tudo para destruir as outras. Nem preciso falar que eu o recomendo muito, não é?


    Comentário(s)
    6 Comentário(s)
    Camila Carvalho 23.11.16

    Oi, Miriã.
    Blog de cara nova?♥
    Não gostava muito de livros desse gênero, mas depois de ler O Ar Que Ele Respira confesso que estou me aventurando mais rs.
    Só preciso pegar do começo né rs.
    Beijo

    Te Conto Poesia ♥

    Miriã Mikaely 23.11.16

    Oi, Camila. Resolvi mudar algumas coisinhas (outra vez rsrs). O Gênero erótico ainda não é muito bem visto diante de alguns leitores, mas tem livros que eu realmente super recomendo, e claro, esse é um desses.
    Beijo!

    Oi Miriã!!! Blog com cara nova que legal! <3 Eu ainda não comecei essa série, mas é claro que vou ler. Já gostei do Romero e a Lily!!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    Aline Al 23.11.16

    Oi, Miriã!
    Nossa, adorei o novo layout! Ficou bem clean <3
    Quanto ao livro, acho que nunca tinha visto ele, mas parece bem interessante. Gostei, quero ler! ótima resenha!
    Hey, aceita parceria com o Borboletas? Reponde por lá! ^-^
    Beijos!
    Borboletas de Papel | fanpage - twitter - instagram

    Miriã Mikaely 24.11.16

    Oi, Mi. Obrigada! Como sempre estou indicando essa série, mas caramba, eu gostei mais desse livro pela gama de emoções e sensações que o casal principal tem. Amei eles! Espero que goste de todos.

    Miriã Mikaely 24.11.16

    Oi, Aline. Obrigada! Essa série é nova, já que ainda não foi publicada aqui no Brasil, mas eu já estou completamente apaixonada e sonhando que alguma editora vá lançar ela.
    Beijo

    Tecnologia do Blogger.